Quarta-feira, 24 de Janeiro de 2018

ZÁS-TRÁS

Santo Ângelo abre o Natal Cidade dos Anjos



A nona edição do evento tem show de abertura com o cantor e compositor Antônio Cardoso, no Largo da Catedral Angelopolitana

Consolidado como um evento de grande participação popular, o Governo Municipal de Santo Ângelo, entidades parceiras e patrocinadores, abrem oficialmente às 21 horas desta sexta-feira, 15, o Natal Cidade dos Anjos, notabilizado na Região das Missões pelos mais de 200 anjos iluminados e outros adereços temáticos que ornamentam as principais ruas e praças da cidade.

A solenidade de abertura oficial será no Largo da Catedral Angelopolitana, no Centro Histórico, com show musical de Antônio Cardoso, cantor e compositor que transforma as suas apresentações numa celebração à família.

A programação desta nona edição do Natal Cidade dos anjos terá shows musicais; projeção mapeada colorindo a Catedral Angelopolitana; e a Vila do Papai Noel instalada na Praça Leônidas Ribas, local do tradicional Brique da Praça aos domingos, com a moradia do bom e velho Noel em 30 metros de área construída, de madeira, totalmente decorada e mobiliada com motivos natalinos, e aberta à visitação do público. Também integram a programação, a Caminhada Luminosa com percursos ligando diferentes bairros ao centro da cidade com pessoas portando velas acesas; o Prenúncio dos Anjos; a Parada de Natal e o Auto de Natal, com espetáculos circenses e teatrais.

Para esta edição, a grande novidade é uma programação especial que será levada aos bairros e distritos do município, estendendo as festividades e envolvendo a comunidade. Aliás, o envolvimento comunitário é um dos pontos fortes do Natal em Santo Ângelo. Toda a ornamentação da cidade foi produzida pelos estudantes da rede pública de ensino, detentos do regime semi-aberto do Instituto Penal de Santo Ângelo e voluntários que trabalharam na confecção, recuperação de peças e na montagem dos enfeites que iluminam e dão cores ao Natal nas artérias da cidade.

Para o secretário de Turismo Vando Ribeiro de Souza, a participação comunitária é o reflexo do espírito solidário do Natal, racionalizando recursos públicos, integrando a comunidade nas festividades e incentivando o trabalho cooperativo na sociedade local.

O artesão responsável pela confecção dos ornamentos pelo quinto Natal consecutivo, João Escobar, conseguiu envolver mais de 300 alunos no projeto natalino deste ano, desafiado a fazer muito com pouco, reutilizando e dando nova roupagem às decorações de eventos anteriores. “O Natal que nós queremos é um projeto inovador, construído com carinho para a população de Santo Ângelo e missioneira, mostrando que é possível, diante da escassez de recursos, com muita criatividade, fazer um grande evento de Natal a partir do uso de materiais recicláveis. Valorizamos o trabalho que os voluntários têm na construção de cada uma dessas peças, que deixarão o Natal de Santo Ângelo ainda mais especial”, disse Escobar.

O prefeito Jacques Barbosa também se emociona ao mencionar o apoio da comunidade e o incentivo dos segmentos econômicos do município na realização do Natal Cidade dos Anjos em Santo Ângelo. “Nem o maior e mais caro dos presentes seria capaz de externar a gratidão do Governo Municipal a todos aqueles que estão fazendo o Natal Cidade dos Anjos acontecer”, exalta o chefe do Executivo.

Tarso Weber

Fotos: Fernando Gomes

worldcell
apuama3
chillys
carrossel escola
mira3
arcoiris
aquino
jairo